Trabalhos Aprovados

Macroprolactinoma com excelente resposta a cabergolina: relato de caso



Autor(es): Martins AD; Silva DG; Rodrigues BFB; Almeida GJ; Meneses FS; Alves LO; Almeida LJ;
Apresentador(a): Álisson Duarte Martins

Introdução: os prolactinomas são os tumores mais comuns da hipófise e causa importante de hipogonadismo em homens e mulheres.
Descrição do caso: paciente masculino, 55 anos, casado, natural e residente em João Pinheiro – Minas Gerais, refere disfunção erétil (DE) há 4 anos. Uso prévio de mesterolona e undecanoato de testosterona sem melhora significativa. Exames laboratoriais prévios: Testosterona total (TT):173ng/dL (VR:300-900 ng/dl). Solicitada propedêutica para DE: prolactina (PRL) muito elevada 424,10ng/dL (VR: até 20), mesmo valor após diluição, demais exames do eixo hipofisário normais. RNM de hipófise: lesão expansiva intra-selar (2,4 x 2,3 x 1,5 cm) elevando o quiasma óptico e com discreto desvio posterior da haste hipofisária e íntimo contato com os seios cavernosos. Campimetria visual: sem comprometimento do quiasma óptico. Tratamento iniciado com cabergolina 1mg/semana e após 1 mês os exames mostravam: TT 81n g/dL, PRL 5,78 ng/dL. Após 3 meses: TT:104ng/dL, PRL:1,67ng/dL, SHBG:30,3 ng/dL. Reduzida a dose de cabergolina para 0,5 mg/semana e após 6 meses: TT 253ng/dL e PRL 2,35 ng/dL. Nova RNM de sela túrcica após seis meses de tratamento: lesão expansiva selar e supra-selar (1,5 x 2 x 1,5 cm) com discreto desvio posterior. Após 9 meses: PRL:7,10 ng/dL.
Comentários: O caso descrito acima demonstra que o tratamento farmacológico permanece como a primeira escolha para os casos de prolactinoma, mesmo macroprolactinomas, desde que não haja comprometimento visual. O tratamento farmacológico demonstrou-se seguro e eficaz. O hipogonadismo decorrente da hiperprolactinemia, em homens, tem um comportamento de perdurar por mais tempo, mesmo após a normalização da prolactina, conforme o caso apresentado.
Portanto, não se deve negligenciar a dosagem de prolactina em casos de disfunção sexual. Os prolactinomas são causa importante e a demora no seu diagnóstico e tratamento poderia ter resultado em comprometimento visual devido a extensão supraselar da lesão.


Palavras-chave: Prolactina; Cabergolina; Macroprolactinoma

[voltar]



Ilha de Santa Catarina

Um local repleto de encantos e povo hospitaleiro

Infraestrutura hoteleira

Não se preocupe com sua hospedagem, deixe que cuidaremos disso pra você!

Acesse e veja as opções


Fique atento
as datas principais


Local do Evento

Centro de Convenções CentroSul

Totalmente climatizado e com vista de cartão postal, está localizado estrategicamente no centro da cidade, próximo do terminal rodoviário, aeroporto e da ampla rede hoteleira composta por mais de 18 mil leitos. Disponibiliza atualmente 16.560 m² de área construída, divididos em dois pavimentos, com salas modulares para acomodar até 3.500 pessoas confortavelmente sentadas e dois salões de exposição para até 13.000 pessoas.

 

Av. Gov. Gustavo Richard, 850 - Centro, Florianópolis - SC, 88010-290

Cidade

Florianópolis

Florianópolis é como um mosaico que reúne toda a diversidade étnica e cultural de Santa Catarina. Uma cidade moderna, com excelentes serviços hoteleiros, restaurantes que servem o melhor das cozinhas nacional e internacional, infra-estrutura turística e de apoio, sendo definitivamente uma escolha essencial para a realização de importantes eventos.
O turismo é a vocação natural da Ilha, que além da inigualável beleza das praias, clima descontraído e povo hospitaleiro, possui uma cultura rica, que mesclada ao charme da arquitetura Açoriana compõe um destino ideal para todos os visitantes.


Promoção


Realização


Gerenciamento

 


Patrocinador Master

 


Expositores

 


Apoio